V – Domingo do Tempo Comum | Homilia dominical – Padre Alexandre Fernandes (09/02/2020)

V – Domingo do Tempo Comum | Homilia dominical – Padre Alexandre Fernandes (09/02/2020)

V – Domingo do Tempo Comum | Homilia dominical – Padre Alexandre Fernandes (09/02/2020)

No alto do monte, Jesus fala: “Vós sois o sal da terra. Vós sois a luz do mundo”. O sal não é sal para si mesmo. Não tem nenhuma finalidade dentro do saleiro, por exemplo. Ele só dá sabor ao alimento se ele se perder entre os alimentos. Ele não pode ser notado, nem se for de mais nem se for de menos. O sal era tão importante na antiguidade e no período medieval que um duque deixou no espólio dele a doação de um saco de sal. O sal deu origem à palavra salário, pois muitos soldados romanos às vezes recebiam parte do salário em sal.
O sal está na mesma origem etimológica das palavras sabor, saber e sabedoria. Se damos sabor, se temos saber teremos a verdadeira sabedoria. Mas se o sal perde o sabor não serve para mais nada. No tempo de Jesus o sal vinha do Mar Morto. Assim, Cristo mais uma vez fala usando imagens conhecidas de todos. O cristão não deve perder o sabor nem a sabedoria, ele deve conservar-se no mundo em que está sendo a presença de Jesus. Só seremos sal e luz quando o “eu” estiver com o “tu” de Cristo formando o “nós”. Sal em função do outro, ser luz para iluminar o outro.
Não se coloca a luz debaixo de uma caixa, mas no candelabro para brilhar para todos os que estão em casa. A luz aquece, tira das trevas, indica o caminho. Quando somos luz, nos consumimos para o outro, nossa vida ganha novo sentido. Realize alguma coisa para o outro, não para ser visto, e você vai perceber que sua vida é uma bênção, uma dádiva. Quem faz boas obras se enche de saúde. Ser sal e luz é ser presença de Cristo. Por isso somos chamados de cristãos porque somos o próprio Cristo. Pregue, mas realize obras com o mesmo amor de Jesus. Palavras se perdem no vento, o exemplo permanece. A bondade que realizamos aqui é a bondade que nos leva ao céu. Pregue usando palavras se for preciso, mas pregue, sobretudo, com sua vida. Sejamos sal para o outro e luz para o mundo.

Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nossa plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo nosso site, você nos autoriza a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.